Ouvir alguém falar por minutos, e até horas, mas não ver o rosto de ninguém?! Como assim? É exatamente isso. Esses são os podcasts, um dos formatos de conteúdo de maior destaque no Brasil. Com a ascensão da pandemia nos anos anteriores, o hábito de acompanhá-los ficou tão frequente que o Brasil ocupou o quinto lugar no ranking mundial de crescimento da produção de podcasts. Um estudo realizado pela Globo, em parceria com o Ibope, mostra que 57% dos brasileiros começaram a ouvir podcasts durante esse período.

Além de ser uma ótima estratégia de conteúdo para todos os tipos de negócios – por exemplo, um podcast com dicas de economia para uma corretora de investimentos – o modelo de conteúdo por áudio também tornou-se um negócio em si, como é o caso do Mano a Mano, lançado em 2021 pelo Mano Brown.

E já que o assunto é comunicação, nada mais importante e melhor do que aprender a produzir um material que todos queiram ouvir, certo? Separamos as melhores dicas dos nossos professores de oratória para você.

5 dicas de oratória para falar bem em podcasts

O beabá do bom comunicador é simples:

Agora vamos às devidas explicações.

Tenha um roteiro guia de fala

Você acorda, abre os olhos, escova os dentes, lava o rosto e senta-se para tomar café da manhã. Esse é um exemplo de roteiro que você provavelmente segue e nem sabe. Ele pode ser um pouco diferente, mas no final das contas você acaba colocando-o como padrão no seu dia a dia. É mais ou menos assim que funcionam os roteiros de fala para vídeos, stories, apresentações etc.

Organizar sua fala em início, meio e fim irá auxiliar o entendimento tanto do seu público, quanto o seu. É simples: estabeleça o assunto que vai ser tratado e como você fará essa abordagem.

Caso seja um podcast estilo bate papo com convidado e você seja o âncora, prepare um roteiro base com as perguntas e assuntos que deseja abordar. Caso seja o participante, foque em um assunto de cada vez e busque dar início, meio e fim para ele.

Saiba utilizar a modulação de voz

O nome pode até parecer de uma  técnica hiper super mega blaster difícil, mas a grande verdade é que a modulação de voz consiste apenas nas mudanças de tonalidades entre falas. Uma analogia simples que resume a importância da modulação de voz é: falar sem utilizar essa técnica é como ter uma refeição sem tempero. Você até passa a mensagem, mas de uma forma muito entediante.

Quem fala precisa se fazer ouvir e entender. Entretanto, manter a voz linear demais não é algo positivo durante  nenhum diálogo. Um bom podcast é feito com a aplicação das diferentes nuances da voz, podendo variar entre os estilos:

Utilize as pausas com sabedoria

Durante um processo comunicacional, os principais objetivos consistem na transmissão de ideias e convencimento do público. Para conquistar esse objetivo, a utilização de técnicas, como o uso de pausas, é fundamental. Mas cuidado para não torná-las excessivas e deixar sua fala monótona ou com aspecto de insegurança.

 

Falar sem parar diante de uma audiência não é sinônimo de um bom discurso. Isso é a fórmula para tornar seu discurso confuso, tedioso, monótono e nada persuasivo.

 

Após entender a importância da técnica e do seu treino, é hora de aprender como colocá-la em prática.

 

 

Tenha um ritmo de fala fluido

“Ei, fala mais devagar”.

“Ei, fala um pouco mais rápido”.

Além da má escuta e interpretação da mensagem que está sendo passada, a fala com velocidade muito acelerada ou muito devagar pode até mesmo causar irritação nos demais participantes do podcast e o principal: nos ouvintes.

Seja você mesmo

Você já se pegou pensando o que os outros pensariam se você agisse do modo X ou do modo Y? Já refletiu se durante um momento específico julgaram sua performance? Essas são exatamente as situações que você deve abolir não só dos seus podcasts, mas também da vida. 

A naturalidade ao falar bem sempre cativa e aproxima os ouvintes, deixando-os mais receptivos para o conteúdo que desejamos apresentar, seja ele qual for. Mesmo após aprender técnicas avançadas de oratória, seja sempre você mesmo. Evite exageros e entenda que a comunicação é uma via de mão dupla, ou seja, para que seja assertiva ela deve ser entendida e bem interpretada por todas as pessoas envolvidas.

3 exercícios bônus

Exercício de respiração

Vital para a existência humana, a má respiração também pode atrapalhar sua comunicação. Por isso:

Parece até com meditação, certo?! Você está mais do que certo(a). Lembre-se que a meditação tem como elemento principal a respiração e é uma técnica com comprovações científicas da diminuição do cortisol, hormônio responsável pelo estresse e que é gerado pelos sentimentos de vergonha e timidez.

Exercício de modulação de voz

Agora que você já sabe que modular a voz é algo essencial para uma boa comunicação, chegou a hora de aprender a colocar em prática. Caso tenha a voz tímida (baixa e para dentro), faça exercícios de leitura falando bem mais alto do que o comum. Se você possui uma voz alta, faça o mesmo exercício, porém falando bem mais baixo.

Exercício de ritmo

Falar muito rápido pode ser complicado para o público entender o que você está dizendo. Tropeçar nas palavras às vezes, é resultado do nervosismo, mas esse problema tem solução. Invista na prática da leitura. Ler em voz alta muito mais rápido do que o comum e também ler muito mais devagar do que o seu normal é um bom exercício.

 

Gostou desse conteúdo? Aproveite para assinar a nossa newsletter e receber nossos conteúdos em primeira mão!

 Newsletter Vox2you


Deixe um comentário